SEBRAE Cliente Sebrae

Compartilhe
Redlub Recioleo
Paulista/PE

Luiz transformou óleo de cozinha usado em produto antiferrugem

Luiz Claúdio queria aproveitar de alguma maneira o óleo de cozinha que tinha de descartar no seu trabalho. Ele sabia que podia transformá-lo em produto anti-ferrugem, mas não tinha como financiar os testes. No Sebrae, ele encontrou a solução que viabilizou o negócio.

Eu acho que, sabendo procurar o produto certo do Sebrae e tendo força de vontade, qualquer pessoa pode empreender com sucesso.

01

Funcionário de um shopping de Recife (PE) em 1998, todos os dias Luiz Cláudio Lima tinha a responsabilidade de recolher e descartar óleo de cozinha recolhido na praça de alimentação. Sem qualquer tipo de reaproveitamento ou reciclagem, o material era despejado na rede de esgoto.

Ao realizar a tarefa diária, Luiz pensava como poderia dar uma utilidade àquele resíduo que não fosse o descarte. Um dia lembrou que o pai passava óleo de mamona embaixo do carro para evitar ferrugem e pensou que talvez pudesse usar o óleo de cozinha de forma semelhante.   

Com o plano em mente, procurou o Instituto de Ecologia de Pernambuco e explicou a ideia. Porém, era necessário um financiamento para iniciar os testes.

02
03

Eu não tinha condições de jeito nenhum, e eles me indicaram o Sebrae, que eu procurei imediatamente. Aí por meio do projeto Sebraetec eu consegui o financiamento.

04

Luiz conta que o instituto não lhe entregou o produto pronto, mas apontou a direção que deveria seguir para desenvolvê-lo. Então foi para casa, montou um laboratório na cozinha e começou a fazer testes. Três anos depois, finalmente começou a fabricar o produto antiferrugem para veículos.

Nos primeiros anos, as vendas eram pequenas e o produto continuava sendo testado e aperfeiçoado. Todo o lucro era reinvestido no negócio. Até que em 2008 a empresa foi formalizada como Redlub Recioleo.

A partir de então, o empresário seguiu se capacitando tanto para desenvolver melhor o seu produto quanto para melhorar a administração da empresa. Fez pesquisa de mercado e cursos de gestão, marketing, entre outros. O resultado não demorou a aparecer.

Crescemos muito desde o começo: uns 500%. Hoje também vendemos produtos para fabricação de ração, biodiesel e construção civil. Tudo feito com óleo reciclado.

E Luiz quer mais: a meta agora é diversificar e fabricar produtos a partir de outros materiais, como o plástico. Para isso, o empresário já trabalha em busca de parceiros para financiar a nova empreitada.
Curtiu essa história?

Compartilhe essa história:

Queremos conhecer a sua história e como o Sebrae fez parte dela.

Conte sua história

Veja mais histórias de sucesso

Encontre histórias que têm a ver com você.
105 histórias
Filtros
UF
  • AC
  • AL
  • AM
  • AP
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MG
  • MS
  • MT
  • PA
  • PB
  • PE
  • PI
  • PR
  • RJ
  • RN
  • RO
  • RR
  • RS
  • SC
  • SE
  • SP
  • TO
Solução
  • Cursos e eventos
  • Fale com Especialista
  • Sebraetec
  • Empretec
  • Outros
Segmento
  • Vestuário e acessórios
  • Alimentação e bebidas ou gastronomia
  • Eventos
  • Beleza e estética
  • Construção civil
  • Oficina/mecânica
  • Sustentabilidade
  • Tecnologia
  • Transporte