SEBRAE Cliente Sebrae

Compartilhe
Assentamento Terra Prometida
Duque de Caxias/RJ

Juliana ampliou suas vendas com a produção de alimentos orgânicoss

Ao aderir à Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (PAIS), incentivada pelo Sebrae, o assentamento em que vive a agricultora qualificou a produção e ampliou as possibilidades de venda. Os produtores contam com assistência tanto em questões técnicas quanto burocráticas.

O Sebrae valoriza a aprendizagem e nos ajuda muito a nos profissionalizarmos. É um apoio muito bacana que nós temos.

01

Juliana Gomes é uma agricultora familiar do assentamento Terra Prometida, em Duque de Caxias (RJ). Desde 2018, ela faz parte das 25 famílias da comunidade que contam com o apoio do Sebrae para adotar a Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (PAIS), cujo principal objetivo é melhorar a qualidade de vida de trabalhadores rurais, promovendo a inclusão social e a geração de renda.

Por meio dessa tecnologia, ela e seus companheiros produzem alimentos orgânicos, com certificação. O principal produto do assentamento é o aipim, mas Juliana produz diversas hortaliças e também cria galinhas para vender ovos caipiras orgânicos.

Ela conta que, após orientações dos técnicos ligados à PAIS, passou a criar galinhas da raça Isa Brown, que chegaram a produzir 40 dúzias por semana. Com os ovos ela não corre o risco de perder a produção, pois no verão é comum que a área sofra com inundações. A agricultora aprendeu também que o abacaxi é um bom produto a ser cultivado, assim como outras frutas, pois não é prejudicado pela sazonalidade.

02
03

Além disso, por meio do projeto, o Sebrae também ajudou os produtores a se formalizar como empreendedores, o que ampliou o mercado e a venda da produção dos assentados.

04

“O Sebrae faz um trabalho superbacana de formação e de assistência técnica, que vai desde auxílio à produção até a emissão de nota fiscal eletrônica.”  

A agricultora conta ainda que o Sebrae os ajudou bastante com diversas questões administrativas, burocráticas e de precificação de produtos, além de orientar como lidar com os consumidores e revendedores.

“Nesse ponto também foi importante a assessoria para nos qualificar e nos ajudar com a interlocução com o mercado. Porque a gente tende a fazer as coisas de forma amadora, mas eles sempre nos ajudam a pensar profissionalmente para conseguir ampliar nossa renda.”

O Sebrae também os auxiliou a formar a Associação Caruanas, junto com produtores de Nova Iguaçu (RJ) que vendem a produção orgânica e sustentável.

Juliana diz que agora ela e os outros produtores estão passando por uma fase de reorganização, com possibilidade de associação com agricultores vizinhos da Associação do Tinguá.
Curtiu essa história?

Compartilhe essa história:

Essa história continua. Siga nas redes.

Queremos conhecer a sua história e como o Sebrae fez parte dela.

Conte sua história

Veja mais histórias de sucesso

Encontre histórias que têm a ver com você.
105 histórias
Filtros
UF
  • AC
  • AL
  • AM
  • AP
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MG
  • MS
  • MT
  • PA
  • PB
  • PE
  • PI
  • PR
  • RJ
  • RN
  • RO
  • RR
  • RS
  • SC
  • SE
  • SP
  • TO
Solução
  • Cursos e eventos
  • Fale com Especialista
  • Sebraetec
  • Empretec
  • Outros
Segmento
  • Vestuário e acessórios
  • Alimentação e bebidas ou gastronomia
  • Eventos
  • Beleza e estética
  • Construção civil
  • Oficina/mecânica
  • Sustentabilidade
  • Tecnologia
  • Transporte