SEBRAE Cliente Sebrae

Compartilhe
NAKAU
Manaus/AM

Artur lançou marca de chocolate amazônico vendido em 4 estados

Ao conhecer a cadeia produtiva do cacau no Amazonas, o biólogo viu uma oportunidade de negócio para valorizar tanto os produtos como os trabalhadores extrativistas. Hoje sua marca produz 400 kg de chocolate orgânico, que deve aumentar para 7 toneladas em 2021.

O Sebrae é fundamental para o empreendedor, pois ajuda muito em todas as áreas. Para tudo que a gente precisa, ele tem os meios e prontidão para auxiliar.

01

Biólogo de formação, Artur Bicelli sempre trabalhou com pesquisa e extensão no campo no estado do Amazonas. Em seu trabalho, conheceu diversos trabalhadores rurais e identificou uma cadeia produtiva de extrativismo de cacau, que não tinha o devido valor reconhecido.

“Percebi que se tratava de um trabalho muito interessante, mas tanto os produtos como os trabalhadores não eram valorizados.”

Foi então que decidiu iniciar uma atividade econômica que pudesse incentivar as famílias que trabalhassem no extrativismo do cacau nativo e ao mesmo tempo valorizar os recursos amazônicos.

02
03

Em 2013, começou a estudar melhor toda a cadeia produtiva e a investir na estruturação de parceiros para a produção de chocolate. Assim, quatro anos mais tarde, lançou em Manaus (AM) a NA'KAU Chocolate Amazônico.

04

Os primeiros desafios foram os mais comuns a toda empresa que está começando: captação de recursos, licenciamento e outros processos burocráticos. Por isso, para vencer essas dificuldades, iniciou uma parceria com o Sebrae, que se fortaleceu e continua até hoje.

Artur destaca que primeiro contou com o Sebraetec para o desenvolvimento de produtos. Em seguida, o programa auxiliou a empresa na criação da marca e com a certificação orgânica do chocolate produzido. Além disso, lembra que o Sebrae abriu diversas portas, principalmente com a participação de feiras e eventos.

“Um dos pontos mais importantes foi a certificação orgânica, que aprimora o conceito da empresa, atrai novos clientes e novos pontos de venda. Essa certificação também se estende aos produtores, que recebem assistência técnica com apoio da empresa e do Sebrae.”

Hoje a NA'KAU conta com 25 produtos, emprega 32 famílias produtoras, em sete municípios do estado, que recebem mais pelo cacau selvagem do que a média de mercado. A marca conta com 50 pontos de venda em quatro estados brasileiros.

Com a chegada da pandemia, Artur fortaleceu as vendas pela internet e precisou reduzir o número de funcionários. Atualmente são sete no total.
Mas em 2021 o número de colaboradores deve voltar a crescer, pois, com a compra e instalação de novas máquinas, a previsão é que a produção aumente de 400 kg por ano para 7 toneladas. Também está entre os planos para este ano a estruturação de um centro de distribuição em São Paulo, para aumentar as vendas na região, que é estratégica para o crescimento do negócio.
Curtiu essa história?

Compartilhe essa história:

Essa história continua. Siga nas redes.

Queremos conhecer a sua história e como o Sebrae fez parte dela.

Conte sua história

Veja mais histórias de sucesso

Encontre histórias que têm a ver com você.
105 histórias
Filtros
UF
  • AC
  • AL
  • AM
  • AP
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MG
  • MS
  • MT
  • PA
  • PB
  • PE
  • PI
  • PR
  • RJ
  • RN
  • RO
  • RR
  • RS
  • SC
  • SE
  • SP
  • TO
Solução
  • Cursos e eventos
  • Fale com Especialista
  • Sebraetec
  • Empretec
  • Outros
Segmento
  • Vestuário e acessórios
  • Alimentação e bebidas ou gastronomia
  • Eventos
  • Beleza e estética
  • Construção civil
  • Oficina/mecânica
  • Sustentabilidade
  • Tecnologia
  • Transporte